Existem muitas ocasiões para a perda da castidade. Fuja delas

A castidade é uma virtude fundamental para o cristão que quer seguir a vontade de Deus, valorizando todo ser humano por inteiro, não apenas o reduzindo a um objeto. Uma virtude tão grande como a castidade não é fácil de ser alcançada, e por isso, existem muitas ocasiões para a sua perda. Somente orando, vigiando e contando com a graça de Deus conseguiremos alcançar essa virtude.

Quem tem preguiça de pensar, não tem argumento e acaba caindo no julgamento e no ódio

Quem quer buscar a verdade, não se prende com unhas e dentes a nenhuma visão engessada ou nenhum tipo de preconceito, mas vai penetrando cada vez mais fundo naquilo que deseja entender, sempre contando com a graça de Deus, que nunca desampara os que buscam a verdade com sinceridade de coração.

Tudo o que tira a sua liberdade para amar não deve ter espaço na sua vida

Existem situações que vão aos poucos minando suas forças e te impedem de amar verdadeiramente. Realidades que trazem ansiedade exagerada e tiram a paz, coisas que te fazem pecar, tudo isso te afasta de Deus e do amor, já que Deus é amor. Não venda o bem mais precioso por migalhas que não te trarão felicidade.

Quem muito peca, é porque muito se coloca em perigo de pecar, e sofre de cegueira espiritual

Quando você insiste em se colocar em perigo de pecar, corre muitos riscos e acaba caindo numa cegueira espiritual. Isso é muito sério, pois quanto mais se aproxima do pecado, mais você vai ficando cedo e menos consegue enxergar as verdades de Deus. As luzes, as promessas, as consolações, o amor de Deus, isso tudo é esquecido quando vamos ficando cegos pelo pecado.

Nós buscamos o sofrimento quando não buscamos o amor

É angustiante a vida de quem vive criando altas expectativas e sente-se no direito de receber benefícios a todo o momento. Aqueles que querem sempre o primeiro lugar e vivem em uma carência exagerada estão sempre insatisfeitos. Aprendamos com a simplicidade de Santa Teresinha do Menino Jesus.

Um verdadeiro namoro católico aponta para o casamento

O homem precisa tomar a iniciativa em um relacionamento e deve fornecer amparo e segurança à mulher, que deve ser uma auxiliar daquele que por dela dá a própria vida, se necessário for. Homens de coragem e mulheres submissas formam casais que seguem a vontade de Deus, mas atualmente o que temos visto está muito longe disso.