Porta dos Fundos vai responder na justiça

O desrespeito do Porta dos Fundos em seu “especial de Natal” não passará impune. Se não forem derrotados na justiça, pelo menos precisarão perder um tempo e dinheiro com advogados e a burocracia. Além disso, existe a justiça divina que não falha, mas nós católicos devemos rezar pela conversão dos humoristas que cometeram um grave erro.